O que eu faria diferente

Se eu pudesse voltar uns 19 meses no tempo, direto para os primeiros dias do nascimento da minha filha eu teria:

* Dormido todas as vezes em que ela dormiu, não importa que hora do dia fosse. Ou, pelo menos, 80% delas;

* Pedido mais ajuda. Muito mais ajuda. Hoje acho brega querer da conta de tudo sozinha, mas naquela época…;

* Comido melhor (não feito uma draga, que fique claro, mas teria feito refeições mais completas) e esquecido essa bobagem de voltar ao mesmo peso de antes da gravidez ainda durante a quarentena;

* Dado mais voltas na rua sozinha no fim de tarde;

* Feito mais coisas para meu próprio prazer, como assistir um filme ou ler um livro enquanto amamento, sem ficar tão preocupada com o mal que a atividade poderia causar ao meu bebê;

* Ficado menos preocupada com a organização da casa. O que importa se a toalha de mão do lavabo não combina muito com o tapetinho?

* Perdido menos o controle durante as crises de cólica da minha filha. Ah, se eu soubesse que a minha tranquilidade ajudaria a mocinha a passar por esse momento com menos sofrimento…;

* A certeza de que, por mais que eu tente, vou errar. E muito;

* Vivido mais o presente;

* Planejado menos o futuro.

Foto: stock.xchng


COMPARTILHE!




LEIA TAMBÉM: