Nova coluna de literatura infantil: Entre Letrinhas

Antes de começar a indicar livros ou falar de literatura infantil – os objetivos desta coluna –, queria contar quem sou. Afinal, você não aceita conselhos de qualquer um, né?

Sou filha de uma mãe a quem passei a admirar muito mais depois de ter filhos. Sou mãe de duas crianças: uma menina de 9 anos e um menino de 4, que muitas vezes me deixam sem resposta. Sou mulher de um homem e trabalho como jornalista. Sempre gostei de ler. Não sei dizer exatamente quando isso começou, mas guardo ainda nítida a sensação de ser arrebatada, esclarecida ou acompanhada por determinados livros na infância.
Ao que tudo indica, venho conseguindo passar meu gosto pelos livros adiante. Na semana passada, meu filho André, de 4 anos, acordou angustiado no meio da noite:

– Mãe, sonhei que um bruxo estava roubando todos os nossos livros!

Começamos a conversar, ele se acalmou e ficou sabendo que ladrões raramente roubam livros. Então, veio o espanto:

– Eles NÃO levam os livros? Levam o que?

Estamos juntando um pequeno tesouro em casa – livros bacanas, desses que pegam o leitor pela mão e o levam para voar por algumas páginas. Livros que não subestimam as crianças tentando ser “didáticos” ou “passar uma mensagem ou ensinamento” de modo concreto, raso. É sobre esses livros e esses leitores que gostaria de falar aqui. Por favor, só não contem aos bruxos ladrões!

Primeira indicação:

OLHE, UM LEITOR!
Sem TítuloComo é que nasce um livro? Os personagens estão ali, sempre prontos para dizer suas falas do mesmo jeito? Será que quando a gente fecha a capa eles se mexem, continuam conversando? Sem Título, do francês Hervé Tullet, autor com mais de 60 livros publicados, brinca com a fantasia das crianças e as convida a pensar sobre a criação de uma história. O livro vai apresentando seus diferentes elementos: título, personagens, autor, cenários, enredo.. e, com humor e sagacidade, envolve o leitor ativamente na trama. Ao revelar os bastidores de páginas, tinta, ideias e papel, Sem Título se torna tão fascinante quanto espiar pelo buraco de uma fechadura.


Livro:
Sem Título
Autor: Hervé Tullet
Editora: Companhia das Letrinhas

.


COMPARTILHE!




LEIA TAMBÉM: