Livro infantil: O Poder da Natureza

o+poder+da+natureza+nmagazine

Não sei bem por que, costumamos rodear as crianças, principalmente as menores, com bichinhos de pelúcia. Eles são macios e fofos, OK. Entendo que seja gostoso ficar abraçado a esses animais quentes e peludinhos, mas sempre me deu um pouco de aflição pensar que bebês e crianças crescem sem ter a menor ideia do real tamanho (pois eles vêm totalmente “fora de escala”) – ou da real agressividade de ursos, jacarés, cobras, tigres…

Ultimamente, a onda ecológica também incute nos pequenos a noção de que a natureza é “fofinha” e por isso deve ser preservada. Não discordo de que se lute pela preservação do meio ambiente, obviamente, mas se há algo que a natureza não possui é esse traço doce, “fofinho”, ingênuo. Ela é poderosa, arrebatadora, admirável – fofinha, não.

O livro do paraibano Braulio Tavares, que escreve folhetos de cordel e compõe música popular, vem desfazer esse equívoco. Com ilustrações do pernambucano Jô Oliveira, cada dupla de páginas conta feitos, curiosidades ou características de bichos e plantas. E revela uma natureza fantástica, grandiosa, com seres capazes de espertezas, façanhas e coragens que muitos desconhecem.

Os versos seguem o modelo do “martelo agalopado”, estilo musical muito empregado pelos cantadores nordestinos ao fazer desafios ou improvisos. São estrofes de dez linhas com esquemas de rimas que se repetem e que fazem corresponder as notas com as sílabas mais fortes. Ou seja, com um pouco de talento – ou pesquisa e boa vontade – ainda é possível cantar o livro e louvar o grande poder da natureza. Essa natureza imperiosa e digna de respeito, a de verdade, não aquela pasteurizada para consumo em lojinhas de souvenirs e filmes da Disney.

 

O poder da natureza+capaLIVRO O Poder da Natureza

AUTOR Braulio Tavares

EDITORA 34


COMPARTILHE!




LEIA TAMBÉM: